Script Linkedin Partner

07/04/2021

Ministério da Infraestrutura e Anac concedem 22 aeroportos à iniciativa privada em leilão na B3

Com a concessão, o governo arrecadou R$ 3,3 bilhões


tarcisio.jpg

Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas: “começamos a nossa Infra Week com o pé direito” - Foto: Cauê Diniz

São Paulo, 7 de abril de 2021 – A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), em parceria com o Ministério da Infraestrutura, realizou hoje o leilão de concessão de 22 aeroportos, em 12 estados brasileiros: Acre, Amazonas, Goiás, Maranhão, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e Tocantins. Este foi o primeiro leilão da Infra Week, a semana de concessões liderada pelo governo federal. Os aeroportos foram leiloados em três blocos, que somados geraram arrecadação de R$ 3,3 bilhões ao governo.

Ao fim do leilão, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, comemorou o resultado: “Começamos a nossa Infra Week com o pé direito e isso tem que ser celebrado. As vitórias têm de ser celebradas. Temos um desafio importante pela frente. Vamos superar a pandemia e temos o desafio da geração de emprego. O emprego vai vir pela mão do investimento privado, não há outra alternativa porque temos que seguir a nossa trajetória de responsabilidade fiscal, nosso compromisso com a solvência”, afirmou.

O diretor-presidente da Anac, Juliano Noman, também celebrou o resultado. "Tenho convicção de que estamos entregando o melhor programa de concessões. Temos alcançado resultados bastante exitosos e bem-sucedidos. O momento é de oportunidade com a injeção de investimentos robustos que vão contribuir para a retomada econômica do país e do setor aéreo, bem como a melhoria da infraestrutura brasileira, o acesso ao modal aéreo e a geração de empregos”, disse.

Para o dirigente da Agência, o programa de concessão aeroportuária vem sendo constantemente reconhecido pelas melhorias implementadas. “Cada aeroporto e cada localidade foram estudados individualmente para garantir segurança, previsibilidade e solidez. Estamos criando uma agenda regulatória eficiente com avanços significativos nos últimos anos e a 6ª rodada, definitivamente, é uma parte desse esforço", completou.

O CFO da B3, Daniel Sonder, destacou a importância da desestatização para a criação de um estado mais eficiente, com maior capacidade de investimentos de longo prazo, e agradeceu a escolha da bolsa para a conduzir a Infra Week. “Queremos seguir atuando em projetos como esses, com a expertise que adquirimos ao longo de 30 anos oferecendo infraestrutura completa para a realização de licitações, e ser o ambiente que conecta o investidor do setor privado a bons projetos”.

Resultado

Bloco Sul |

A Companhia de Participações em Concessões, do grupo CCR, representado pela corretora Mundinvest, saiu vencedora do bloco Sul com proposta no valor de R$ 2.128.000.000,00, representando ágio de 1.534,36% em relação ao valor mínimo definido no edital.

Fazem parte deste bloco, os aeroportos:

  • Aeroporto de Curitiba, PR – Afonso Pena (SBCT)
  • Aeroporto de Foz do Iguaçu, PR – Cataratas (SBFI)
  • Aeroporto de Navegantes, SC – Ministro Victor Konder (SBNF)
  • Aeroporto de Londrina, PR – Governador José Richa (SBLO)
  • Aeroporto de Joinville, SC – Lauro Carneiro de Loyola (SBJV)
  • Aeroporto de Bacacheri, PR (SBBI)
  • Aeroporto de Pelotas, RS (SBPK)
  • Aeroporto de Uruguaiana, RS – Rubem Berta (SBUG)
  • Aeroporto de Bagé, RS – Comandante Gustavo Kraemer(SBBG)

Bloco Central | A Companhia de Participações em Concessões, representado pela corretora Mundinvest, saiu vencedora também do bloco Central com proposta no valor de R$ 754.000.000,00, representando ágio de 9.156,01% em relação ao valor mínimo definido no edital.

Fazem parte deste bloco, os aeroportos:

  • Aeroporto de Goiânia, GO – Santa Genoveva (SBGO)
  • Aeroporto de São Luís, MA – Marechal Cunha Machado (SBSL)
  • Aeroporto de Teresina, PI (SBTE) – Senador Petrônio Portella
  • Aeroporto de Palmas, TO – Brigadeiro Lysias Rodrigues (SBPJ)
  • Aeroporto de Petrolina, PE – Senador Nilo Coelho (SBPL)
  • Aeroporto de Imperatriz, MA – Prefeito Renato Moreira (SBIZ)

Bloco Norte | A empresa Vinci Airports, representada pela corretora Planer, saiu vencedora do bloco Norte com proposta no valor de R$ 420.000.000, representando ágio de 777,47% em relação ao valor mínimo definido no edital.

Fazem parte deste bloco, os aeroportos:

  • Aeroporto Internacional de Manaus, AM – Eduardo Gomes (SBEG)
  • Aeroporto de Porto Velho, RO – Governador Jorge Teixeira de Oliveira (SBPV)
  • Aeroporto de Rio Branco, AC - Plácido de Castro (SBRB)
  • Aeroporto de Cruzeiro do Sul, AC (SBCZ)
  • Aeroporto de Tabatinga, AM (SBTT)
  • Aeroporto de Tefé, AM (SBTF)
  • Aeroporto de Boa Vista / RR – Atlas Brasil Cantanhede (SBBV).

Em condições normais de tráfego, os aeroportos leiloados hoje recebem juntos mais de 24 milhões de passageiros por ano, de acordo com dados de 2019.  As concessões são válidas para um período de 30 anos.

Mais informações disponíveis no site:

B3. Com o mercado, para o futuro.