Ibovespa

  • O índice

    Há 50 anos, com o mercado, para o futuro.

    O Ibovespa é o principal indicador de desempenho das ações negociadas na B3 e reúne as empresas mais importantes do mercado de capitais brasileiro. Foi criado em 1968 e, ao longo desses 50 anos, consolidou-se como referência para investidores ao redor do mundo.

    Reavaliado a cada quatro meses, o índice é resultado de uma carteira teórica de ativos. É composto pelas ações e units de companhias listadas na B3 que atendem aos critérios descritos na sua metodologia, correspondendo a cerca de 80% do número de negócios e do volume financeiro do nosso mercado de capitais.

    Construção da Metodologia

    Universo de ativos elegíveis Ações e units de ações
    Critérios de Seleção Estar entre os ativos que representem 85% em ordem decrescente de Índice de Negociabilidade (IN) (buffer 90%); 95% de presença em pregão; 0,1% do volume financeiro no mercado a vista (lote-padrão); e não ser penny stock.
    Ponderação  Valor de mercado do free float / cap 20% por empresa / cap 2x IN
    Tipo de retorno Total (R$)
    Rebalanceamento Quadrimestral (jan, mai, set)
  • Produtos relacionados

    Você pode investir no Ibovespa através dos produtos indexados ao índice, que são:

    • ETF - Renda Variável
    • Futuro de Ibovespa
    • Futuro Mini de Ibovespa
    • Opção sobre Ibovespa
    • Operação Estruturada de Rolagem de Minicontrato de Ibovespa
    • Operação Estruturada de Rolagem de Ibovespa
    • Opção Flexível de Ibovespa
    • Opção Flexível de BOVA11

    Uma das melhores formas para se investir nos índices da B3 é através dos ETFs, ou fundos de índices. Converse com a sua corretora e entenda qual investimento mais se adequa ao ser perfil. Para acessar a lista de corretoras ou saber mais sobre os ETFs, acesse os menus laterais.